sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

FELIZ 2018!!!


Já me sinto pronta para dar adeus ao ano de 2017 que foi para mim um ano imensamente abençoado por Deus e pelas forças do universo.

Fiz algumas viagens, conheci lugares lindos, apreciei o mar e vi o Sol se pôr esplendorasamente acompanhada de novas amizades que a vida me presenteou, trabalhei bastante e aprendi mais ainda com meus alunos e colegas de profissão, realizei o sonho de dirigir e senti a sensação de liberdade que tanto desejava, curti minhas músicas preferidas, voltei a ouvir sertanejo (rsrs), peguei gosto pela academia e pela dança com a Zumba e o Shiban, vivi um novo romance com princípio, meio e fim, me apaixonei, sofri, chorei, tive minhas crises de existência e carência, mas vivi, aprendi, amadureci um pouco mais, descobri que sou forte e capaz de superar meus erros e vícios (basta eu mesma querer), fiz algumas loucuras (hahaha), guardei alguns segredos, cometi inúmeros erros, escrevi e filosofei, me declarei e o mais importante de tudo isso é que eu dei, ah eu dei incontáveis sorrisos e gargalhadas.

GRATIDÃO SENHOR POR NUNCA DESISTIR DE MIM E CONDUZIR MEUS PASSOS E CAMINHOS!!!

Que venha 2018 porque estou preparada para recebê-lo com o pé direito, de frente para o mar que tanto amo, pulando as 7 ondinhas em oração e de braços bem abertos.

SEGUE O JOGO!!! FELIZ ANO NOVO GENTE!!!

Daniela Menegassi

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

EU SEMPRE PREFIRO AMAR


Uma pessoa que encontra um amor recebe um presente dos céus.
Uma pessoa que se permite amar encontra um tesouro.
Feliz é aquele que ama e é amado porque bom mesmo é viver a vida a dois e poder compartilhar as vitórias e decepções do caminho árduo.
A solidão é vazio que se instala, engana e machuca o coração aos pouquinhos.
Amar sozinho dói e ter que deixar de amar, às vezes, leva um bom tempo.
Tempo é o santo remédio para curar todas as feridas, mas é preciso ter sabedoria e coragem para atravessar os abismos com a cabeça erguida.
Se você amou, sinta-se especial porque é capaz de amar novamente alguém que queira ser amado.
Infelizmente, o amor não é para todos e esta decisão é pessoal e intransferível no mundo dos assumidos solitários.
Eu, ah (rsrs) sempre prefiro amar.

'Dani' M.